Receitas da Chronopost cresceram 8,4% em 2016

02/07/2017 - 12:25
"O nosso melhor ano de sempre" - é assim que Olivier Establet, presidente da Chronopost Portugal, descreve os resultados financeiros da empresa referentes a 2016. Não só as receitas da empresa subiram 8,4%, como a actividade global cresceu 12,1%, mais do dobro do mercado, o que permitiu à Chronopost reforçar a sua quota de mercado. O EBITA também acompanhou a performance financeira da empresa com uma subida de 28%, uma rentabilidade a dois dígitos.

"A Chronopost Portugal apresentou um excelente desempenho em todos os serviços prestados, com um crescimento particularmente relevante no que se refere ao segmento B2C, isto é, entregas a particulares que resultam principalmente de compras efectuadas online, com um crescimento de 20% face a 2015", continua Olivier Establet.

Em 2016, o DPDgroup atingiu em Portugal uma facturação consolidada que ultrapassou os 60 milhões de euros e entregou mais de 16 milhões de encomendas, considerando as actividades da Chronopost e da Seur no nosso país. "Estes resultados fazem de nós o maior operador em Portugal", afirma Olivier Establet.

A Chronopost tem investido continuamente na sua oferta e na inovação tecnológica, facto que tem trazido o reconhecimento do mercado e dos consumidores. A empresa está a preparar algumas novidades no que respeita ao reforço da sua estratégia para o B2C. "Quando, em 2015, traçámos como meta o ano de 2020 para sermos líderes de mercado, não imaginaríamos que o conseguiríamos alcançar três anos antes do prazo", conclui Olivier Establet.

O desempenho da Chronopost em 2016 é demonstrativo da permanente dinâmica imposta nas suas operações. O futuro da Chronopost Portugal continuará a ter implícito no seu ADN uma estratégia de constante procura pela inovação, assim como pela concepção, implementação e avaliação dos múltiplos factores que contribuem para o sucesso dos seus negócios.